Pais torturam filha até a morte, e a polícia encontra uma carta sob o travesseiro que vai quebrar o seu coração.

Todos os dias milhares de crianças ao redor do mundo são maltratadas, grande maioria delas dentro de suas próprias casas. Hoje vamos contar a história emocionante de Lisa, que deixou uma carta debaixo do seu travesseiro antes de morrer, após sofrer agressões. Lisa nasceu em 2004 em Londres, os pais da garota já tinham Jonh, ele era mais velho que Lisa um ano. Pouco tempo depois, o serviço social havia notado que os pais não estavam cuidando dos filhos adequadamente e decidiu que ambos teriam que ser entregues a uma família de acolhimento, já que não estavam cuidando dos filhos.

Após eles viverem alguns anos com a família de acolhimento, a polícia descobriu que Lisa havia sido abusada sexualmente pelo novo pai, por causa disso eles tiveram que voltar novamente a viver com a família biológica. A mãe de Lisa não conseguia se dar bem com a garotinha e afirmava que ela tinha um comportamento muito sexual. John também apanhava, mas foi Lisa que acabou sofrendo e acabou levando a pior. Com o passar dos anos os maus tratos e abusos começavam a extrapolar todos os limites, até que a garota deixou de ir a escola.

O motivo era que ela não podia mostrar partes do corpo por causa dos machucados pelos corpo, uma assistente social ligava a cada três meses para ver se estava tudo bem, porém a mãe de lisa afirmava que sim. Com o passar do tempo, os abusos e surras que Lisa sofria passaram a ser algo demasiado, ela chegou a apanhar com: tubo de aço, um martelo e cinto. A mãe de Lisa escrevia palavras horríveis no corpo dela, como: prostituta, quenga, incesto, monstro. Sem falar que ela não alimentava a garota de forma adequada.

Em uma das surras a mão de Lisa foi atingida tão forte que quebrou alguns dedos, como a mãe foi obrigada a procurar ajuda médica, eles começaram a suspeitar dos abusos. Duas semanas depois o serviço social foi até a casa de Lisa e constaram que John estava bem cuidado, mas notaram que havia algo errado. A equipe voltou dois dias depois com a polícia, eles acharam Lisa presa em um armário, desnutrida, cheirando a xixi e fezes. Levaram a garota imediatamente para um hospital, mas já era tarde demais, Lisa não resistiu e morreu.

Lisa começou a sofrer maus tratos aos 4 anos e tinha 9 anos quando morreu, ela não expressou nenhum tipo de reação, a real causa da morte não foi divulgada, muitos alegam que foi os maus tratos, falta de carinho, amor e alimentação. A polícia voltou na casa da mãe de Lisa atrás de pistas e encontrou um pedaço de papel amassado embaixo do travesseiro da garota. Era uma carta, que dizia o seguinte: “O que eu fiz de errado? A única coisa que eu queria era que a minha mãe e o meu pai me amassem. Como os pais dos meus amigos na escola. Não sei porque não morri. Eu sempre tentei ser boa e fiz o que minha mãe me pediu para fazer. Mas eu sou um fardo para ela. Pessoas como eu não merecem viver…”

Essa história emocionante serve de exemplo para muitas famílias, se você sofre ou conhece alguém que está passando pela mesma situação, denuncie.  Abusos e maus tratos é crime.