Como baixar a pressão arterial naturalmente e reduzir pouco a pouco o consumo de medicamentos químicos!

Você sofre com pressão alta?

É um distúrbio complexo e difícil de tratar.

O problema maior é que se trata de um “assassino silencioso”, pois costuma se desenvolver no corpo sem mostrar sintomas.

O que acontece muitas vezes é que a pressão arterial elevada aumenta a resistência ao fluxo sanguíneo nos vasos.

Isso força o coração a trabalhar mais.

O resultado disso são doenças cardíacas e AVC.

Todos nós estamos vulneráveis ao problema.

Segundo estatísticas, um a cada três adultos sofre de pressão alta.

O ESTRESSE
É a causa principal da hipertensão.

Se você juntar isso com uma vida sedentária ou com a má alimentação, então certamente terá problemas graves.

Para aliviar a tensão emocional, recomendamos uma técnica de respiração muito simples.

Você deve inspirar levantando apenas o diafragma e expirar pela boca – procure sempre expirar por mais tempo que inspira.

Esse tipo de respiração ajuda o corpo a relaxar.

FRUTOSE
Quanto à dieta, se ela for rica em gordura, pode destruir sua saúde, trazendo problemas de hipertensão.

Se já é o seu caso, possivelmente seu corpo também sofre com alto nível de açúcar no sangue, pois um problema está ligado ao outro.

A insulina armazena magnésio e mantém o sódio em nosso corpo.

Se, por qualquer motivo, nossas células são resistentes à insulina, então não armazenamos o magnésio, que é indispensável para deixar os vasos sanguíneos relaxados.

Resultado: a pressão arterial vai aumentar e o paciente ficará muito cansado.

Portanto, evite o máximo o consumo de açúcar, incluindo frutose, o açúcar das frutas.

Aqueles que consomem 74 gramas ou mais de frutose diariamente ficam mais predispostos a ter problemas de pressão.

Uma recomendação padrão de consumo total de frutose por dia é inferior a 25 gramas.

Agora vamos aos cálculos!

Uma latinha de refrigerante possui 20 gramas de frutose (40 açúcar no total).

Ou seja, se você consumir uma, já terá batido o limite diário de açúcar.

A frutose também contém ácido úrico, que é uma substância nociva à saúde.

Isso porque ela aumenta a pressão sanguínea.

Aumente o consumo de suco de frutas com pouca frutose, como uma boa e refrescante limonada.

A DIETA

Em sua dieta, você deve se preocupar em reforçar os níveis de ômega 3 e ômega 6.

Para isso, consuma: – Açafrão-da-terra (cúrcuma), – Óleo de girassol (prensado a frio), – Linhaça, – Nozes, – Peixe

Outra dica é o consumo de alimentos fermentados, que ajudam a regular a flora intestinal e evitar muitas doenças.

Uma flora intestinal desequilibrada, para quem não sabe, também pode desenvolver hipertensão e doenças cardíacas.

Invista em iogurte, coalhadas e kefir, por exemplo.

Por outro lado, você deve fugir do café, pois a cafeína aumenta a hipertensão.

Não é necessário eliminá-lo de vez da sua dieta.

Mas há quem beba vários cafezinhos todos os dias.

Se for o seu caso, diminua a quantidade.

Como dissemos, o sedentarismo é péssimo para quem sofre com pressão alta.

Procure se exercitar pelo menos três dias na semana – isso reduz o risco de morte por ataque cardíaco.

A caminhada é ótimo para os hipertensos.

O ideal é que você procure profissionais da área de nutrição e treinamento físico.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.